-Quanto me davas pela minha mulher?

-Eu?! Nada!

-Óptimo, leva-a…